Secretaria Executiva de Cultura realiza a Primeira edição do projeto Patrimônio Vivo

Na noite de ontem 24/03, p Governo de Pedras de Fogo, através da Secretaria Executiva de Cultura, realizou a cerimônia de menção honrosa ao Mestre João Araújo.
 
A menção honrosa faz parte da primeira edição do projeto “Patrimônio Vivo, da Secretaria Executiva de Cultura e tem por objetivo reconhecer e valorizar homens e mulheres que, individualmente ou no coletivo mantém tradições preservando a diversidade cultural.
 
Fundador do Cavalo Marinho Boi de Ouro, Mestre Araújo, hoje com cem anos, coleciona conhecimentos e incentiva outras manifestações da cultura popular, tendo um história de dedicação não só dentro do cavalo marinho, mas da Rabeca e do Babau.
 
A primeira edição do projeto Patrimônio Vivo, contou com a exposição de materiais do Cavalo Marinho, produzidos pelo Mestre João e ainda com homenagens dos grupos culturais locais: Filarmônica 05 de Maio, Tribo de Índio Águia Negra, Projeto Capoeira para todos, Babaulengo e dos violeiros Marivaldo dos Anjos e Pedro Paulo ao Mestre João Araújo.
 
O Secretário Executivo de Cultura, Ademilton Barros, lembrou que “à frente da Secretaria de Cultura, percebemos que há ainda um grande caminho no que diz respeito à sensibilização, a valorização e a preservação da nossa memória cultural, é na luta por essa preservação e valorização da cultura municipal que nasce o programa Patrimônio Vivo.
O Prefeito Manoel Junior também esteve presente, e ressaltou que como gestor, sempre estará incentivando ações que valorizem a cultura e o resgate de folguedos como o cavalo marinho em nossa cidade.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

*

code